Losar 2018 – Ano do Cachorro de Terra

Losar 2018

Dias 15, 16, 17 e 18 de fevereiro de 2018

Losar é a denominação da comemoração do Ano Novo celebrada por todos os praticantes do budismo tibetano.

KTC - Losar 2014

KTC – Losar

No Tibete, utiliza-se o calendário lunar, ao contrário do Ocidente, que segue o calendário solar. Por isso, a cada ano o Ano Novo Tibetano cai em um dia diferente. O ano que está se iniciando é o de 2145, Ano do Cachorro de Terra.

Na tradição tibetana, a passagem do ano lunar é um momento muito especial que sinaliza o início de um novo ciclo, envolvendo uma série de preparações e rituais. Assim, para os praticantes do budismo tibetano, o Losar é uma ocasião muito auspiciosa, cujas atividades almejam a purificação espiritual.

Dia 16 de fevereiro, sexta-feira, é o dia do Losar propriamente dito. No entanto, todo esse período, antes e logo após o dia 16, é extremamente propício para a prática, havendo o costume de se realizar visitas a templos e monastérios, aonde são feitas orações e oferendas para os seres de todos os reinos da existência cíclica.

As oferendas, sejam elas de preces, de luzes (lamparinas), incensos, flores ou doações em dinheiro, visam promover, no praticante, o despertar da compaixão e da generosidade, bem como, a eliminação de obstáculos para todos os seres (para si próprio, para familiares, para pessoas falecidas etc).

O ato de se oferecer algo promove também a acumulação de muito mérito. Durante estes dias, acredita-se que os efeitos das ações positivas e negativas são multiplicados por 100 milhões de vezes; portanto, a prática de ações virtuosas é fortemente encorajada.

Venha celebrar o Ano Novo Tibetano conosco e aproveite a paz do local para fazer uma reflexão sobre o ano de 2144 e pedir as bênçãos dos Budas para o ano de 2145.

Programação do Losar 

Dia 15 – quinta-feira

  • 7 horas – Prática de Tara Verde
  • 17 horas – Prática de Mahakala

Dia 16 – sexta-feira

  • 7 horas – Prática de Tara Verde
  • 17 horas – Práticas de Tchenrezig e Mahakala

Dia 17 – sábado

  • 7 horas – Prática de Tara Verde
  • 8 horas – Café da manhã
  • 9:30 horas – Puja de Fogo (Sang, ou oferenda de fumaça); benção das bandeiras de oração; oferecimento de mandala e oferecimento de khata a S.S. Karmapa
  • 17 horas – Prática de Tchenrezig

No sábado serão feitas mais orações e oferendas, para que o ciclo que se inicia seja livre de obstáculos e marcado por muitas realizações.

É costume a realização do sang no Losar para garantir auspiciosidades para o novo ano. Existem três tipos de pujas de fogo: sang (fumaça), sur (cheiro) e jinsek (fogo). O objetivo principal dos pujas de fogo é ofertar. No sang oferecemos a fumaça, no sur , o cheiro, e no jinsek, oferecemos o próprio fogo. O sang é uma prática vajrayana de oferenda. A palavra sang em tibetano tem o significado de remover, tirar; purificado, limpo. Assim, o sang é uma prática de purificação e se concentra na remoção das impurezas na corrente mental dos praticantes e de todos os convidados.

Losar 2014

Pendurando as bandeiras de oração

O Losar também é a ocasião mais auspiciosa para renovar bandeiras de oração desbotadas, pois os ventos do ano anterior já transportaram as orações através de muitas terras.

As bandeiras de oração são também conhecidas como “cavalos de vento” (lung ta, em tibetano). Esse nome provém do fato de ser o vento o elemento natural do cavalo — o vento surge enquanto o cavalo galopa pela planície, com sua cauda e sua crina voando livremente na medida em que ele acelera através da quietude do ar.

Vento e cavalo são veículos naturais de movimento; o cavalo carregando a forma material, e o vento carregando a forma etérea. Assim, as orações impressas nas bandeiras são levadas pelo vento, espalhando-se para beneficiar incontáveis seres.

Nesse dia, Lama Pema fará uma benção para as bandeiras de oração, após o que, aqueles que se sentirem motivados, poderão pendurar novos lung ta ao redor da KTC, para que, por mais um ano, as orações possam se espalhar em benefício de todos os seres.

Não se esqueça de trazer a sua contribuição de alimentos para que o nosso café da manhã desse dia seja especial.

Dia 18 – domingo  

Buda Amitayus

Buda Amitayus – o Buda da Vida Infinita

  • 7 horas – Prática de Tara Verde
  • 8 horas – Café da manhã
  • 10 horas – Iniciação de Longa Vida – Buda Amitayus
  • 17 horas – Prática de Tchenrezig

Nesse dia Lama Pema concederá uma Iniciação de Longa Vida. Para não afiliados à KTC o valor da contribuição para a Iniciação é de R$ 30,00. Membros afiliados em dia com sua contribuição não pagam inscrição.

Clique aqui para saber mais sobre a iniciação.

Informações adicionais

  • Toda a programação do Losar é aberta a quem desejar participar.
  • Como de praxe, em todos os dias o nosso café da manhã será coletivo. Pedimos aos participantes que tragam a sua colaboração (por exemplo, pães, bolos, frutas, queijo, requeijão e leite).

ATENÇÃO: apesar de não termos registros de casos de dengue, ou afins, estamos em uma área muito arborizada e há pernilongos. O uso de repelentes é recomendável, não se esqueça de trazer o seu.

Losar 2015

Clique aqui para ver as fotos da celebração do Losar de 2015.

Clique aqui para ver as fotos da celebração do Losar de 2014.

Possam todos se beneficiar!



Comentários